Gravidade...

Posted: quinta-feira, 24 de junho de 2010 by marllon breno in
3


Deitado na calçada
Na sarjeta
O pobre mendigo
Pedindo por um pouco de amor
Pedindo um toque

Com toda essa força nos puxando pra baixo
Nós seguimos como mendigos
Ansiosos por um toque
Ansiosos por algo que nos faça sair do mormaço da continuidade rotineira

Divididos entre o sucesso e a tristeza
Diversas vezes a tristeza até se alegra com a escolha
E nós sem saber afastamos as possibilidades de sorrisos fáceis
Me mantenha vivo
Me mantenha vivo
Eu preciso que você me mantenha vivo
Eu preciso que você me toque
Por favor , encoste seu rosto no meu peito

Mas nós queremos viver nas beiradas
Sempre nos arriscando a poucos centímetros da decepção
Sempre estupidamente corajosos
Sempre interrompendo os processos
Temerosamente covardes
Faça teu violão chorar em minha homenagem
Faça o teu coração gritar de amor
Pois eu preciso que você me mantenha vivo
Eu preciso que você me puxe
Eu preciso que você lute contra a gravidade
Por mim


Breno Lima

Correr riscos.Todos nós em algum momento da nossa vida , precisamos passar por isso.
Mas o que acontece quando nós escolhemos o que é pior pra nós ? E o que acontece quando nós estamos tão estupidamente desconfiados que não nos permitimos sentir aquilo que nos mantêm vivos ?!
É incrível a nossa capacidade de ir de encontro a coisas que nos fazem sofrer e chorar.É incrível o fato de que as vezes nós nos tornamos tão dependentes de determinadas situações e pessoas , que mesmo quando elas nos fazem mal , nós não conseguimos simplesmente deixá-las ir !
Nós precisamos lutar contra esse vício em sofrer .Parece doentio eu estar falando isso , mas é exatamente isso que acontece .
Nós , ansiosos e carentes por atenção , nos submetemos a coisas que vão de encontro à nossa estima.
Eu escrevi esse poema ,por estar passando por um momento muito particular que envolve correr muitos riscos.Mas eu também escrevi esse poema ,pra que vocÊ leitor, se identifique com ele de acordo com o que você está passando.
Eu não tenho muito pra falar hoje.Porque eu preciso lutar.Lutar contra a gravidade.

Abraços

3 comentários:

  1. Thaís says:

    É,precisamos andar na contra-mão do sistema !
    Desprender das amarrações do coração e seguir em frente.

    Como sofremos pelos problemas do amanhã, se o amanhã inexiste? Como nos angustiamos pelo passado e o remoemos, se ele não pode voltar?

    Augusto Cury.

    òtima expressão Breno.

  1. Laryssa says:

    CHOCADA!
    O melhor post de todos!
    \o/
    ''Me mantenha vivo ''

  1. Guinever says:

    Esse com ctza é o melhor!!
    *---*

    Sem palavras...